[Análise] JoJo Rabbit

Sinopse: Alemanha, durante a Segunda Guerra Mundial. Jojo é um jovem nazista de 10 anos, que trata Adolf Hitler como um amigo próximo, em sua imaginação. Seu maior sonho é participar da Juventude Hitlerista, um grupo pró-nazista composto por outras pessoas que concordam com os seus ideais. Um dia, Jojo descobre que sua mãe  está escondendo uma judia no sótão de casa. Depois de várias tentativas frustradas para expulsá-la, o jovem rebelde começa a desenvolver empatia pela nova hóspede.

Resultado de imagem para JoJo Rabbit"

Jojo Rabbit é um filme que já começou causando polêmicas desde do lançamento do trailer por apresentar Adolf Hitler de forma ‘debochada‘ e como decide retratar a segunda mundial. Contudo, o diretor Taika Waititi mostra como discutir um assunto sério de forma cômica e ainda consegue transmitir a mensagem por trás das piadas e cenas divertidas. É importante ressaltar isto, pois caso você vá assistir o filme esperando rir o tempo inteiro e só, estará cometendo um erro. Apesar de trazer aspectos de comédia, o foco do filme é mostrar a forma como muitas pessoas daquela época agiam sem ter noção de suas ações e o quão importante é conhecer antes de julgar. Com isso, o longa se torna uma excelente opção de como retratar a segunda guerra mundial, o nazismo e outros aspectos dessa época de um jeito mais caricato, porém, sem perder o foco do que realmente se tratava.

Além do enredo que é muito interessante, o elenco traz nomes bastantes conhecidos como Scarlett Johansson, Sam Rockwell, Rebel Wilson e outros, que possuem uma conexão muito boa e conseguem transmitir muito bem a essência de seus personagens. Dois exemplos disso são a Scarlett Johansson e o próprio Taika Waititi, que também atua no filme. Na minha opinião, a interpretação da Scarlett é um dos pontos mais altos do filme, justificando sua indicação ao Oscar 2020. A atriz consegue trazer a essência de uma protetora nesse período histórico, além de mostrar uma mulher forte com dificuldades de criar seu filho sozinha enquanto seu marido se encontra na guerra. Quanto ao Waititi, atua como alívio cômico e protagoniza as cenas mais engraçadas do filme, traz um contraste balanceado para a parte dramática, tornando o filme mais leve de assistir.

Além disso, a fotografia também é outro ponto a ser elogiado no longa, por ser bem limpa. A maior parte do filme se passa em locais e cenário bem abertos, com cores bem vívidas, que conversa bem com a proposta engraçada do filme. Entretanto, tudo muda quando vemos cenas mais dramáticas e que retratam assuntos mais sérios. Isso é importante pois como tem muito essa mudança entre comédia e drama, é interessante que o ambiente também ajude ao espectador identificar essas transições.

Jojo Rabbit estreia aqui no Brasil hoje, dia 06 de Fevereiro, com 6 indicações ao Oscar 2020, nas categorias: Melhor Atriz Coadjuvante (Scarlett Johansson), Roteiro Adaptado, Design de Figurino, Design de Produção, Edição e Melhor Filme.

Se convenceu de que deve ler ou assistir? Então não perde tempo e corre lá pra conferir, mas não se esquece de comentar aqui depois o que achou!

Nota: 8.8/10

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s