[Crítica] – Ela disse, Ele disse

Resultado de imagem para ela disse ele disse filme

Mais uma adaptação de um livro da Thalita Rebouças! Depois de “Tudo por um Pop Star” e Fala Sério, Mãe!, agora temos: Ela Disse, Ele disse! As mudanças para a adaptação do livro para as telonas ficaram evidentes, principalmente no quesito tecnologia, já que a primeira edição do livro foi lançada em 2010. Apesar das diferenças, a trama segue fiel!

O destaque fica para o elenco que traz Maísa como a vilã Julia e para participações mais que especiais de Fernanda Gentil (como Paloma), Ana Maria Braga (como ela mesma) e Bianca Andrade, SIM! A blogueira que era conhecida como “Boca Rosa” é Professora Fátima. Tem até piadinha relacionada a sua vida de blogueirinha. Ainda temos a Maria Clara Gueiros, arrasando como a Diretora Madalena!

O casal fofuxo do filme Rosa e Léo são interpretados pela Duda Matte e pelo Marcus Bessa. Difícil não ficar torcendo ou lembrar da adolescência quando todo o drama da primeira paixão acontece. Esse é o foco. Sentimentalismo, dificuldade de se encaixar, as mudanças corporais, medos e inseguranças. Tudo mostrado de uma forma que todo mundo vai conseguir se identificar com algum momento.

A Maísa cresceu, cresceu muito e o filme deixa isso bem claro em algumas partes bem específicas… Mas ver essa fofura de menina como vilã chatinha foi bem diferente. É de fato difícil de tirar a visão de “menina boa moça” que ela transparece.

Ponto incrível para a forma que adaptaram os pensamentos e efeitos visuais no filme! A interação do texto, fala e pensamentos dos personagens cria uma atmosfera que vai te envolvendo durante o filme. Assim como a trilha sonora! Músicas em diferentes versões e da “nova MPB” dão aquele toque nos momentos certos.

Tabus são quebrados com cenas sutis de beijos entre adolescentes do mesmo sexo. Afinal não existe essa de beijo gay, já que todo beijo é beijo, né? E ao ser questionada sobre incluir temas LGBTQ+ a escritora diz: “Ninguém nunca criticou. O que eu mais escuto dos leitores é sobre a leveza que trato os temas. Não quero dar lição de moral em ninguém. Abordo muitos assuntos polêmicos com naturalidade, de forma bem leve.” (Fonte: UOL). De fato as cenas são sutis, incorporadas como devem ser: apenas beijos assim como todos os outros.

Para quem vai procurando uma boa adaptação do livro não vai se decepcionar. Alguns detalhes foram deixados de lado, mas não prejudicam o enredo em si. As modificações apenas atualizam e não afetam. Filme gostosinho com final feliz garantido e lição de moral pra garotada!

Nota: 8/10

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s