[Lista] Especial Dia Do Orgulho LGBTQ+|09 Ótimos filmes com a temática

Dia 28 de junho é comemorado o dia internacional do orgulho LGBTQ+, data que tem  como objetivo conscientizar a população sobre a importância do combate à homofobia além de comemorar o amor e a igualdade entre todas as identidades de gênero e orientações sexuais.

No cinema, a representação LGBTQ+ ainda é bastante exíguo. Pensando nisso, listamos 09 filmes carregados de mensagens importantes que com toda certeza vai te deixar bastante pensativo.

1. 120 Batimentos Por Minuto

Data de lançamento: 4 de janeiro de 2018 (Brasil)
Direção: Robin Campillo
Música composta por: Arnaud Rebotini
Esse é um dos filmes que eu indico para todo mundo, uma obra que na minha visão é algo necessário. “120  Batimentos Por Minuto” é um filme de temática LGBTQ+ que veio para quebrar paradigmas, deixando de lado a romantização que é comum em obras desse segmento, para focar em assuntos mais urgentes, como o respeito, a igualdade e a proliferação do vírus HIV na década de 90. Os personagens são tão versados, reais e familiares que torna a obra ainda mais pulsante. Como um todo, a película é uma grande aula sobre a luta ideológica. É uma produção que apesar de se passar nas décadas passadas, ainda sim é bastante necessário nos dias de atuais. 
França, início dos anos 1990. O grupo ativista Act Up está intensificando seus esforços para que a sociedade reconheça a importância da prevenção e do tratamento em relação a Aids, que mata cada vez mais há uma década. Recém-chegado ao grupo, Nathan (Arnaud Valois) logo fica impressionado com a dedicação de Sean (Nahuel Pérez Biscayart), apesar de seu estado de saúde delicado.
Resultado de imagem para 120 batimentos por minuto

2. Elisa & Marcela

Data de lançamento: 24 de maio de 2019 (Espanha)
Direção: Isabel Coixet
Distribuído por: Netflix
Estamos sendo apresentados a história do que viria ser um dos maiores acontecimentos do século 20, tornando o LGBTQ+ um marco no mundo: estamos falando do primeiro casamento homoafetivo realizado pela igreja católica. O filme é uma produção original da Netflix baseado em fatos reais, que traz a tona o amor como a ferramente mais importante da vida de uma pessoa.
Em 1910, acontecia na Igreja de San Jorge, na região de Coruña, na Galícia, um casamento inesperado entre Elisa e Marcela. Para driblarem as regras locais e poderem se casar, Elisa forja documentos de um parente falecido e se passa por um homem para viabilizar a primeira união homossexual da Europa.
Resultado de imagem para elisa y marcela

3. O Segredo de Brokeback Mountain

Data de lançamento: 3 de fevereiro de 2006 (Brasil)
Direção: Ang Lee

Ang Lee nos apresenta a uma produção pesada, seca, onde os sentimentos reais precisam ser mascarados para serem vividos. É uma grande obra que coloca em evidência a opressão vivida pelos homossexuais nas décadas de 60, que infelizmente se arrasta até os dias atuais. O roteiro descarta o padrãozinho de romance com um final feliz, dando lugar a algo mais realista, mais árduo.

Jack Twist (Jake Gyllenhaal) e Ennie Del Mar (Heath Ledger) são dois jovens que se conhecem no verão de 1963, após serem contratados para cuidar das ovelhas de Joe Aguirre (Randy Quaid) em Brokeback Mountain. Jack deseja ser cowboy e está trabalhando no local pelo 2º ano seguido, enquanto que Ennie pretende se casar com Alma (Michelle Williams) tão logo o verão acabe. Vivendo isolados por semanas, eles se tornam cada vez mais amigos e iniciam um relacionamento amoroso. Ao término do verão cada um segue sua vida, mas o período vivido naquele verão irá marcar suas vidas para sempre.

Imagem relacionada

4. Me Chame Pelo Seu Nome

Data de lançamento: 18 de janeiro de 2018 (Brasil)
Direção: Luca Guadagnino
Música composta por: Sufjan Stevens
Artístico e poético, “Me Chame Pelo Seu Nome” é uma grande história de amor e auto-descoberta, trazendo à tona grandes discussões contemporâneas. As atuações, a fotografia, a narrativa e a ambientação somados trazem ainda mais valor a obra. 

 

O sensível e único filho da família americana com ascendência italiana e francesa Perlman, Elio (Timothée Chalamet), está enfrentando outro verão preguiçoso na casa de seus pais na bela e lânguida paisagem italiana. Mas tudo muda quando Oliver (Armie Hammer), um acadêmico que veio ajudar a pesquisa de seu pai, chega.
Resultado de imagem para call me by your name

5. Azul É a Cor Mais Quente

Data de lançamento: 6 de dezembro de 2013 (Brasil)
Direção: Abdellatif Kechiche
Canção original: I Follow Rivers
Adèle é uma adolescente que enfrenta os desafios da chegada da maturidade. Sua vida toma um rumo inesperado ao conhecer uma encantadora garota de cabelo azul, com quem começará uma intensa relação e uma viagem de descobertas e prazer.
Resultado de imagem para azul é a cor mais quente

6. Delicada Atração

Data de lançamento: 18 de abril de 1997 (Brasil)
Direção: Hettie MacDonald
Música composta por: John Altman
Em um subúrbio do sudoeste de Londres, durante o verão, Jamie Gangel (Glen Berry) é um garoto pouco popular que abandona a escola para fugir do compromisso de jogar futebol. Ele é vizinho de Ste Pearce (Scott Neal), um rapaz popular e atlético, que frequentemente apanha do pai alcoólatra e do seu irmão mais velho. Notícias sobre a violência sofrida por Ste sensibilizam a mãe de Jamie, Sandra (Linda Henry), que o acolhe em sua casa e o rapaz passa, então, a dividir o quarto com Jamie. Durante a estadia de Ste na casa dos Gangel, os dois rapazes desenvolvem sentimentos um pelo outro, o que pode complicar ainda mais a relação de Ste com sua família.
Imagem relacionada

7. Assunto de Meninas

Data de lançamento: 6 de julho de 2001 (EUA)
Direção: Léa Pool
Música composta por: Yves Chamberland
Mary vai para um colégio para meninas, onde fica amiga de Tory e Paulie. Ela percebe que a amizade das duas é mais que isso, mas a situação foge ao controle quando, por pressão da família, Tory afasta-se de Paulie e começa a namorar garotos.
Imagem relacionada

8. A Garota Dinamarquesa

Data de lançamento:25 de fevereiro de 2016 (Brasil)
Direção:Tom Hooper
Bilheteria: 64,2 milhões USD
Aqui somos apresentados a Lili Elbe, uma grande artista do seculo 20 que possivelmente foi a primeira pessoa a passar pela cirurgia de redesignação sexual, assim se tornando a primeira mulher trans da história. É impossível não se emocionar com a história de auto-descoberta da personagem. O filme, no entanto, deixa a desejar em alguns aspectos, mas nada que tire ou diminua a grandeza da narrativa.

Na Copenhague de 1926, os artistas Einar e Gerda Wegener se casam. Gerda então decide vestir Einar de mulher para pintá-lo. Einar começa a mudar sua aparência, transformando-se em uma mulher, e passa a se chamar de Lili Elbe. Com o apoio, ainda que conturbado, da esposa, um Einar deprimido passa por uma das primeiras cirurgias de mudança de sexo da história para tentar se transformar por completo em Lili e recuperar o gosto pela vida.

Imagem relacionada

9. Hoje Eu Quero Voltar Sozinho

Data de lançamento: 10 de abril de 2014 (Brasil)
Direção: Daniel Ribeir
Música composta por: Arvo Pärt

Hoje Eu Quero Voltar Sozinho é um dos grandes filmes de temática LGBTQ+ do Brasil, com um roteiro impecável, uma fotografia suave que juntamento com uma trilha sonora bem montada agrega ainda mais qualidade na produção.

O filme narra a historia de Leonardo (Ghilherme Lobo), um adolescente cego, que tenta lidar com a proteção “exagerada” da mãe ao mesmo tempo em que busca sua independência. Quando Gabriel (Fabio Audi) chega na cidade, novos sentimentos começam a surgir em Leonardo, fazendo com que ele descubra mais sobre si mesmo e sua sexualidade. 
Imagem relacionada

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s