[Crítica] O Doutrinador

Sinopse: Um vigilante mascarado surge para atacar a impunidade que permite que políticos e donos de empreiteiras enriqueçam às custas da miséria e do trabalho da população brasileira. A história do homem por trás do disfarce de “Doutrinador” envolve uma jornada pessoal de vingança na qual um agente traumatizado decide fazer justiça com as próprias mãos.

Imagem relacionada

A adaptação do quadrinho de Luciano Cunha, de mesmo nome, nos abre um novo universo cinematográfico brasileiro, sendo O Doutrinador uma fuga das usuais comédias nacionais. O filme acaba sendo uma grande aposta por causa de existir em uma descrença em filmes nacionais, por diversos motivos, mas acaba se mostrando uma ótima escolha.

As cenas fortes do filme são suas cenas de ações e lutas corporais muito bem feitas, principalmente se você levar em conta que o ator Kiko Pissolato faz a maior parta das cenas sem dublê. Outro ponto alto do filme, é a questão das atuações. Apesar de terem rostos tão conhecidos no elenco, e para muitos deles é o primeiro filme, mostram uma atuação consistente e de qualidade. Entretanto, vemos que nas cenas dramáticas, não são todos que conseguem carregar a cena. A fotografia do filme também merece seu reconhecimento, principalmente as cenas filmadas à noite.

Quanto às partes negativas, elas acabam se limitando mais às questões técnicas do filme, como: problemas com continuidade, cenas de mortes e maquiagem em alguns pontos. O roteiro do filme também pode ser considerado um pouco fraco, mas levando em conta que se trata de um filme de ação isso pode não incomodar tanto o telespectador. Contudo, é importante lembrar que esse gênero de filme não é o foco da produção nacional, ou seja, seus pontos positivos superam as falhas.

Resultado de imagem para o doutrinador

Pra quem já vem acompanhado o trabalho do Luciano, é uma obra que vale a pena a ida ao cinema. Acredito que apesar de estarmos acostumados com filmes Hollywoodianos, O Doutrinador é um filme pra ser reconhecido.

Nota: 7.2/10

 

Anúncios

Autor: kathysant

Gestora em Turismo, diva do Olar e escritora em tempo livre

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s